Quinta-feira, 10 de Agosto de 2006

colisão

Foto de Yaki Yaskvloski em Imagens


Distingui o desejo que passeava em sílabas recortadas pelo ar...
O seu carácter substancioso, atestou-me de anseio.
Num olhar, confiamo-nos ao invento revelado por um ritmo
harmonioso entre as melosas teclas do piano.
A escala subiu, como cresceu o apetite, as notas desfilavam doces,
quentes e suaves, dirigidas pelas pálpebras do teu olhar…
Perdi-me nos cheiros íntimos que se comprimiram no nosso peito e
senti o ímpeto arrebatador em que o encanto nos raptava o discernir…
Amparei os instantes, vivifiquei o delíquio, resgatei os sonhos na união
dos altivos corpos extasiados...
Ouvi o alegre sussurro das almas, que se abraçavam neste raro
encontro, conquistei-te nos braços que tinham o molde do meu corpo...
Reconheci por fim, o reflexo e o lado escuro, recordei o reencontro e a
separação…repouso agora no ombro desta singular ligação!

Mike às 12:20
| Parêntesis | Enlaça-me...
24 comentários:
De Miss Perfect a 17 de Agosto de 2006 às 09:08
Adorei a intensidade do teu blog, quer pela força das palavras ou pelo arrebatamento das imagens.... Uma imagem vale por mil palavras? Ou com uma palavra aludimos a mil imagens?

Whatever... gostei.

Beijo
Miss Perfect


De Miss Perfect a 17 de Agosto de 2006 às 09:07
Adorei a intensidade do teu blog, quer pela força das palavras ou pelo arrebatamento das imagens.... Uma imagem vale por mil palavras? Ou com uma palavra aludimos a mil imagens?

Whatever... gostei.

Beijo
Miss Perfect


De Mily a 17 de Agosto de 2006 às 03:39
Olá meu querido! Chegando das férias, e assim que pude vim correndo matar as saudades e agradecer teu carinho no meu espaço.

Tuas postagens continuam a nos trazer belas imagens associadas a textos e poemas que tocam nossa alma como varinhas de condão, despertando sentimentos e emoções e trazendo à tona nossas próprias lembranças e vivências.

Como sempre, meu anjo, nos leva pelo mundo da poesia com a suavidade de palavras e momentos tão doces de serem aprisionados.

Trouxe-te, dos caminhos por onde andei, sorrisos fartos de alegria, flores mimosas de jardins encantados, e beijos ternos de anjos aflorados de amor.

Deixo junto desses mimos alguns beijos meus pra ti, para que digam o quanto te gosto e admiro.


De aroma a 16 de Agosto de 2006 às 20:14
Um melodioso colidir de sensações em palavras. Suave e quente, com bom aroma!



De su a 16 de Agosto de 2006 às 02:02
Um beijo de até outro instante...por entre os fios que ficam não em suspenso mas expectantes algures pela Teia.

Grande grande abraço...e boas caipirinhas!

Beijos da Su.


De mj a 13 de Agosto de 2006 às 00:55
INVERNO (Numa noite de verão...)

Uma onda mais forte derrubou os frágeis castelos!
...
Fecho em mim as palavras,deito fora a caneta e a folha de papel!
...
E "sabor a sal", repousa agora num lugar de laços!
...


De AP a 12 de Agosto de 2006 às 18:09
A beleza das palavras,
testemunhadas pelo envolvimento
da imagem, elevam-me ao desejo
de me entregar a quem amo.
Belo momento.
Beijos.


De flor do campo a 12 de Agosto de 2006 às 05:23
É...
A força da palavra que segue solta e livre!
Sonho feito em doce desejo...

...Quando se dá corpo ao mais belo cristal, paciente e habilmente trabalhado, apesar do cansaço ou do calor...momentos de saborear um laço feito de luz!

É o sorriso no olhar de quem simplesmente quer rodopiar ao sabor de uma rara melodia...
Fala do tempo, de espaço.
De um abraço de silêncio, feito lembrança que guardamos em nós...

Descansa um pouco e amanhã sentirás que:
...Há sempre o doce sabor do vento, à nossa espera!





De su a 12 de Agosto de 2006 às 01:14
...a carta fabulástica será entregue... . )

Em troca ainda quero experimentar umas caipirinhas que vou falhar em breve...!

Bjs a vocês!


De Viola L. a 11 de Agosto de 2006 às 12:16
Perfeita. . .imagem perfeita de sensualidade!
as tuas palavras fazem me mergulhar numa pintura. . .
uma pintura maravilhosa de perfeição!!!

Um beijo

Viola L.
xx


Comentar post

Sopro de Vento

My Immortal
Evanescence

Frio

Novembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Março 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Morno

foi em novembro...

amour volant

lado a lado

Laços...

um ano...

eclipse

grito de inocência

pássaro do tempo

amor

rede de luz

Quente

subscrever feeds